Treinos de Espada e Escudo, etc

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Thanatos em Dom 26 Ago 2012 - 10:36

Relembrando a primeira mensagem :

Aqui serão postados os treinos de Espada e escudo ou outras armas de combate direto a partir de agora.

Código:
Regras:

Pode usar uma faca ou adaga de arremesso para finalizar com um boneco.
A cada 20 linhas sem erros se ganha 1 nível e 100 dracmas.
Se o treino for bom mesmo, o deus pode dar uma arma com UM EFEITO tipo choque quando encostar no oponente ou se inflamar quando atingir o oponente.
Nada de ataquei fulano na costela com a espada e ele ficou sangrando muito, pois o fulano/adversário pode se defender e te atacar também.
Caso lute com bonecos, imagine que são guerreiros ou monstros, pois é muito fácil dar alguns golpes no boneco e deixar apenas palha espalhada na arena como se o inimigo real fosse fazer isso também.




______________________________________
Thanatos
Filho de Érebus e Nyx
Personificação da Morte
avatar
Thanatos
Admin

Mensagens : 187
Data de inscrição : 01/10/2011
Idade : 22
Localização : Submundo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Ryan Tenehel em Ter 25 Dez 2012 - 19:59

Meio ainda sem entender o que estava acontecendo, começo a andar por
aquele local onde supostamente meu destino tinha me guiado, perplexo
pelas habilidades das quais estava presenciando pela luta de espadas
,perguntei a um homem o que estava acontecendo aqui, foi quando ele me
olhou com uma cara de espanto e disse: - você deve ser o novato que
chegou , Ryan Tenehel certo? (balancei a cabeça confirmando), prazer meu
nome é ... foi quando um dos garotos gritou, espantado olhei sem saber o
que esperar , foi então que vi que um deles tinha ganhado e disse : -
vocês tão de brincadeira comigo não é? hahahaha, quem é o próximo? o
homem então me olhou e disse: - é sua vez novato , vai lá e mostra o que
sabe. Pensei comigo mesmo , mostrar o que eu sei ? mas eu n sei de nada
nem sei por quê estou aqui nesse acampamento, perdido nos pensamentos e
sem saber o que fazer sou interrompido pelo garoto de armadura dourada e
detalhes azuis que diz : você vai ficar ai parado ou vai vim treinar?
foi quando pensei comigo mesmo, já que estou aqui acho que não tem
problema em participar desse treino até porque era um acampamento de
semideus, até aquele momento eu não sabia quem era meu pai, mas de uma
coisa eu sabia : eu não era um garoto normal. Meio sem jeito por estar
sendo observado por tantas pessoas comecei o treino com o garoto que eu
nem sabia o nome, embora tenha perdido todas as vezes acabei aprendendo
bastante naquele dia e fiquei mais curioso em querer saber de quem eu
era filho. No final do treino o garoto enfim falou: prazer sou o collin
rain filho de ares deus da guerra, como você se chama? - ryan tenehel ,
respondi. Ao sair daquele local olhei para traz e vi a placa com o nome
'' Treino de ''Espada e escudo'' , foi naquele momento que percebi que
havia tido minha primeira aula no acampamento meio sangue.

Ryan Tenehel
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 3
Data de inscrição : 25/12/2012
Idade : 19

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Oliver J. Dolan em Ter 1 Jan 2013 - 18:47

O Dia era caloroso no Acampamento, Deméter me abençoou ao me dar controle sobre as plantas, eu estava muito feliz pelo fato de eu não ser mais indefinido, e fui reclamado pela deusa que eu mais gosto, Deméter, Deusa da Colheita, eu estava lá no meu chalé Tranquilo quando percebo que eu posso ir treinar agora, posso usar as armas de reclamação, os poderes e habilidades herdados pela minha mãe olimpiana, era uma honra ser neto de Cronos, o grande Titã do Tempo!
Começo a ir para a Arena à passos lentos mais antes de ir para o local que eu tinha colocado em mente, desvio o meu caminho e vou em direção à Floresta tentar conseguir mais força, chegando na Floresta já pude sentir a força entrando em minhas veias, eu sentia que podia derrotar até um deus, era exagero da minha cabeça, eu não posso ser assim tão forte no meu primeiro dia no Acampamento Meio-Sangue, então após conseguir mais força na Floresta eu me encaminho para a Arena, antes que eu pudesse chegar no local de treinamento um Filho de Ares novato queria se mostrar valentão na frente dos mais antigos.
-Ei novato, você não passará daqui sem uma luta! - Fala o filho de Ares.
O Garoto não tinha nem 1 metro e 70 centímetros, não me dava tanto medo, acho que foi um erro este filho de Ares, já que eles costumam ser grandes e musculosos.
-Calma, não quero confusão, só estou me encaminhando para a Arena e, se puder por favor me deixar em paz eu agradeço!
Os filhos de Ares presentes riram, incluindo o novato, mais mesmo depois das minhas palavras o Filho de Ares sacou sua espada que ganhou de seu pai e me atacou, já que eu acabei de reunir mais forças na Floresta, eu então com uma incrível velocidade saco a Foice e bloqueio o ataque do garoto com facilidade, todos presentes ficaram surpresos com minha velocidade e habilidade com foices, então eu estico as mãos uma para o lado oposto da outra e plantas prendem o Filho de Ares, quando eu salto e vou atacar com minha Foice o garoto, Clarisse bloqueia e me expulsa de lá, começo a murmurar maldições em grego para a Filha de Ares.
Chegando na Arena eu vejo Quíron, ele passa alguns minutos até me perceber e, vem com uma velocidade elevada já que sua metade é cavalo, chegando próximo a mim ele fala:
-Bom criança, como é seu primeiro dia aqui, precisamos testa-lo em velocidade, utilize sua foice para cortar os braços daqueles bonecos, depois passaremos para algo mais sério.
Ao ouvir isso eu então retiro minha foice e corro em alta velocidade, salto e com um único golpe eu corto os dois braços do boneco, por que a lâmina da minha foice se duplicou podendo então cortar os dois braços do boneco.
Quíron me dá parabéns e pede para eu agora atacar os cinco bonecos que conseguem se defender, vou até eles e sou cercado, pego a foice e a faço duplicar a lâmina, depois eu ataco um boneco mais o mesmo levanta o escudo de madeira que se quebra, dou então uma rasteira no boneco sem escudo e quando ele começa a cair eu corto a cabeça, vou para o próximo, dou um giro e faço a lâmina da foice ir com mais velocidade até uma lâmina arrancar o escudo do boneco e a outra destruí-lo, restam apenas 3 bonecos, vou até o terceiro e dou uma rasteira, aproveito o escudo e uso como impulso, do céu eu consigo cortar a cabeça o boneco que lá estava, restando apenas dois, eu dou um giro e decapito os dois restantes.
Quíron me dá parabéns, vê que meus reflexos são apurados, agora ele fala:
-Bem, meus parabéns outra vez e vamos agora para algo mais avançado, você terá de lutar contra aquele sátiro e, se vence-lo terá a chance de provar sua força contra um monstro.
Aceito então o que Quíron falou, eu podia ter recusado já que era minha vida em jogo, mais quero treinar o máximo possível e dar orgulho para minha mãe.
O Sátiro vem com seu porrete e se prepara em uma posição muito comum, então eu decido guardar energias para usar os poderes contra o monstro caso eu vencesse o Sátiro, a criatura corre em minha direção, eu não fico nervoso pois eu não posso ficar no momento da batalha, o tempo que o sátiro vinha eu estudava o local, tinha madeira por todo lado, procurei algo que me dê vantagem, olhei cada canto do local até encontrar uma pequena flor, então corro para perto dela e estendo a foice, quando o sátiro tenta me dar uma porretada, eu desvio com a Foice, finco a foice no chão e então pego impulso e dou um chute no sátiro fazendo a criatura ir para trás, percebo o tempo e tento controlar a planta, mais foi tarde, o sátiro acerta uma porretada no meu ombro esquerdo, sinto uma imensa dor que me faz ter vontade de gritar de dor, aguento por alguns minutos então corro em direção ao sátiro, pego a foice e finco outra vez no chão, em vez de repetir o ataque, eu então pego outra vez o impulso mais não largo a foice, eu a puxo e com o cabo acerto o rosto do sátiro, fazendo ele ir para o lado, não paro só com isso, dou uma rasteira no sátiro e depois com a foice eu faço um enorme arranhão nas costas da criatura, ele urra de dor, então com um chute faço o sátiro desmaiar.
-Meus parabéns - Diz Quíron - Sinceramente, para um novato você é bastante forte, será que está preparado para uma batalha contra o nosso Grifo? Você pode escolher, e tem o direito de rejeitar!
Observo o centauro e então penso durante alguns minutos, 3 aproximadamente, então junto tudo que sei sobre o Grifo, tinha cabeça e asas de águia e seu corpo era de leão, iria ser difícil enfrentar tal criatura, pois eu sou de um nível iniciante, já não sei se posso enfrenta-lo, meu braço dói muito então resolvo rejeitar, digo que é melhor uma próxima vez, volto para meu chalé e descanso.


Após o treinamento à algumas horas, então caminho agora numa noite linda, a lua estava tão linda que eu me impressionava com tal beleza, vejo que as filhas de Afrodite também olhava, não estavam tão impressionadas quanto eu, já que a beleza delas era muito maior assim como de sua mãe.
A noite era intensa, todos ali presentes estavam ao redor da fogueira, Quíron começa a contar histórias de guerras passadas, falou sobre a queda de seu pai, Cronos, na grande Titanomaquia, falou também sobre a Guerra de Troia, todos resentes prestavam atenção, só ouvíamos a voz de Quíron e algumas respirações fortes por conta da emoção, nós passamos uma hora inteira ouvindo, até que eu me levanto e saiu, todos me observavam atentamente até Quíron parou de falar e olhou para mim, acho que fui o primeiro a fazer isso, começo a caminhar e chego até a Floresta, lá eu aprendo golpes novos com a foice, agora eu manuseava ela perfeitamente, parecia que eu estava segurando uma pena, sinceramente, ser filho de Deméter é verdadeiramente uma honra, eu agradeço para a floresta após algumas horas treinando e então vou em direção ao Chalé, mais eu vejo a Arena um pouco distante e vejo que o sol já começou a nascer, prefiro então ir treinar mais na Arena, lá deve ter algo de interessante para ver e treinar.
Chegando próximo da Arena, eu vou em direção ao local de armas, pego lá cinco espadas e cinco escudos, coloco uma espada em cada boneco, deu no total cinco bonecos com espadas e escudos, aperto o botão e eles começam a se mexer como se fossem humanos reais, e as espadas só saem da mão deles quando se bate com uma força elevada, me armo com a minha foice e ataco um boneco, acerto a espada dele mais não acontece nada, com o escudo o boneco me acerta e me faz cair, não desisto e me levanto, depois eu giro e acerto o escudo com a foice, quebro na hora o escudo e depois eu finco a foice no chão e salto, com um giro acerto meu pé na cabeça do boneco que vai para longe, depois eu corro para o próximo boneco e com a foice nós trocamos alguns golpes, era incrível por que ele era um boneco, então eu consigo cortar o corpo dele, restando apenas três, então eu uso algo como impulso e salto, depois eu pego e uso Leaves Razor, as folhas cortam os braços de outro boneco, uso então o Explosive Seed I e destruo outra com um único golpe, pego o último boneco e com a foice eu corto as pernas de um boneco!
Depois de algum tempo, vejo então um Grifo, então corro até ele e tento acertar com a foice nele, mais foi inútil, ele com as garras bloqueia o ataque, depois, finco a lâmina da foice no chão e espero o Grifo vir para cima, depois eu puxo com tudo a foice e acerto o queixo do Grifo, a criatura pia de dor, então acerta com suas garras a minha costa, eu também dou um grito, depois eu e ele se machuca um ao outro, fazendo assim nós dois cansarmos, eu giro então e acerto a cabeça do Grifo, fazendo o monstro cair e ficar lá deitado.
avatar
Oliver J. Dolan
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/12/2012

Ficha do Meio Sangue
HP:
130/130  (130/130)
Energia:
130/130  (130/130)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Thanatos em Ter 1 Jan 2013 - 19:13

87 linhas = totalizando 4 níveis e 45 exp

Bom treino
Bônus: 55 exp

Atualizado

Ryan, desculpa mas seu treino tem muitos erros e está sem reclamação. Não tem cabimento treinar.




______________________________________
Thanatos
Filho de Érebus e Nyx
Personificação da Morte
avatar
Thanatos
Admin

Mensagens : 187
Data de inscrição : 01/10/2011
Idade : 22
Localização : Submundo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Gustavo Vichinsky em Qua 2 Jan 2013 - 23:02

O meu primeiro treino havia sido com um arco e flecha. Filhos de Apolo são bons com isso, certo? Errado. Decidi então chegar na arena de treino com espada e escudo para ver se me dava melhor.
Peguei uma espada e um escudo de madeira que um garoto me ofereceu quando entrei. Fiquei olhando alguns campistas lutarem entre si, outros lutando contra uns bonequinhos de palha que ficavam rindo de nós quando errávamos um ataque. Decidi começar pelos bonecos, afinal aquela impressão de que estavam rindo de mim me dava um pouco de raiva.
Me preparei para a luta, o boneco a uns cinco metros de mim com sua espada e seu escudo também de madeira. Corri para cima dele dando um golpe em seu escudo, o que fez minha espada voar longe. Tudo bem, não foi muito inteligente atacar o escudo. Recuperei minha espada do chão e soltei o escudo. Não gostava daquelas coisas e acho que um boneco não conseguiria me atacar. Investi contra ele novamente, desenhando um arco com a espada na altura de sua cabeça. A "lâmina" pegou na têmpora direita do boneco, mas não fez nada mais que tirar ele um pouco do lugar.
Quando eu estava preparando um novo ataque, o mesmo garoto que havia me dado a espada e o escudo apareceu aparando meu golpe com seu escudo. Com um sorriso ele me convidou para um luta, a qual eu aceitei um pouco relutante. Eu apanhava até para um boneco naquilo!
Fomos a uma área da arena que não tinha ninguém e nos posicionamos. Antes mesmo que eu pudesse pensar em começar, lá vinha ele correndo na minha direção. Praguejei quando lembrei que tinha jogado o escudo no chão. Mas eu tinha uma certa vantagem com isso, ele estava mais pesado, eu mais leve e móvel. Quando ele tentou bater com sua espada de madeira do lado da minha barriga, pulei para o lado e devolvi o golpe, batendo com o punho da espada em sua cabeça.
Ele voltou meio cambaleando para trás, mas nada que tivesse deixado ele incapacitado. Ao contrário, parecia que ele estava ainda mais disposto a abrir um bom talho na minha testa.
Para minha surpresa, ele girou completamente o corpo, voltando ao normal rapidamente e jogando seu escudo como um frisbee. Aquela era a última coisa que eu esperava. Consegui desviar do escudo com certa facilidade, mas não percebi que ele vinha correndo atrás do seu frisbee gigante de madeira. Antes que eu pudesse me defender, ele deu uma estocada na minha barriga, o que me fez cair de joelhos no chão. Antes que eu pudesse me levantar, ele tentou outro ataque, desse ver uma simples cortada de cima para baixo bem no meu pescoço. Consegui desviar defendendo com a minha espada e pulando para trás.
Antes que ele atacasse de novo, fiz o mesmo que havia feito com o boneco de palha. Desenhei um arco com minha espada na altura de sua cabeça, acertando exatamente onde havia acertado no boneco. Quem diria que aquele boneco com aquele sorrisinho idiota ajudaria em alguma coisa? Fiquei olhando enquanto ele caía um pouco atordoado no chão. Joguei a espada para o lado e estendi minha mão para ele. Chega de treino por hoje.

Gustavo Vichinsky
Monitores de Chalé
Monitores de Chalé

Mensagens : 63
Data de inscrição : 01/02/2011
Idade : 20

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Leo Beckendorf em Dom 17 Mar 2013 - 13:07

Chegando a arena decepo as cabeças depois saio em busca de povo pra lutar. Ùltimamente o acampamento ta deserto então está dificil achar mas encontrei pessoas pra lutar e pedi pra ir lá na arena. Chegando lá eu fico sentado esperando o povo chegar pra minha deçepção não chegou ninguém somente quiron que estava além de minhas possibilidades de vitoria mas decidi pedir para lutar mesmo assim.

Leo - quiron vamos lutar? - perguntei
Quiron - por mim... ok
Leo - só não quero morrer tá?
Quiron - irei pegar leve

Mas imediatamente pegou seu arco e flecha, achei meio injusto pois estavamos a uns três metros de distancia e eu não o alcançaria com a espada antes de literamente perder a cabeça por causa das flechas de quiron. Fugi de algumas flechas e sentei atrás do banco então ativei meu iphone e me aproximei sorrateiramente mas senti que quiron não estava perto poderia sentir o metal em suas flechas ele estava em algum lugar perto de mim mas não detectava onde então percebi que ele estava atrás de mim. Imediatamente ativei o colar de lava pela primeira vez e um tornado de fogo assustador saiu dele e atingiu quiron que não se feriu muito, mas oque eu queria? eu era novo com essa coisa. Em quanto ele tentava se levantar eu desativei rapidamente meu iphone e corri em direção as minhas coisas que estavam no banco, guardei meu iphone na minha mochila botei a armadura de pã e peguei a espada da natureza e a flauta de bambu então coloquei o cinto magico. Agora que estava pronto para a batalha percebi que quiron estava apenas procurando onde havia deixado seu arco cair mas já estava de pé então corri em direção a ele enquanto pedia gasolina ao meu cinto e pegava de dentro dele. Então de imediato joguei o saquinho de gasolina no chão e invoquei uma bola de fogo minuscula (o maximo que consegui) e atirei no saquinho de gasolina o que espalhou a gasolina mas não ateou fogo então tentei novamente e dessa vez uma barreira de fogo foi criada entre mim e quiron escondido no fogo esperei quiron se desatentar e saí correndo em direção a ele com a espada da natureza. Quiron devia ter parte animal porque acho que a espada estava um tanto mais forte e só ficava assim quando tinha presença animal ou vegetal. Golpe-ei as patas de quiron que caiu no chão com uma delas quebradas e ainda no chão atirou uma flecha que feriu minha perna esquerda.

Quiron - chega de treinamento por hoje vamos a enfermaria proxima semana chegarão alguns novos campistas
Leo - ok devia ter me avisado antes de quebrar minhas pernas

Então fomos a enfermaria depois de eu guardar minhas coisas.
avatar
Leo Beckendorf
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 9
Data de inscrição : 16/10/2012

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Arianne S. Malkovich em Qui 4 Abr 2013 - 15:01

Tic tac, tic tac, tic tac... O barulho do relógio estava começando a me irritar, levantei da cama e fui olhar a janela que tinha vista para a floresta negra, até que não era uma má ideia ir dar uma volta pela floresta. Mas eu não podia faltar aos treinos novamente, soltei um suspiro e saí do chalé não podia, mas fugir dos treinos. Fui para o treino de espadas e escudos e tinha a impressão de que ia levar bronca por faltar aos treinos... Adentrei a arena e fui ao encontro de Quíron. - Resolveu aparecer aos treinos, filha de Hécate? Bom, irá lutar com um filho de Hermes - Quíron falou apontando para um garoto que estava me olhando num canto da Arena, dei de ombros e fui pegar uma espada e um escudo, depois fui até o garoto.

- Olá filho de Hermes, sou Arianne - Falei sem muita animação.

- Pode me chamar de Julian e relaxa, vou pegar leve contigo - O garoto falou com um sorriso brincalhão nos lábios.

Ok, isso me deixou um pouco estressada ele achava que eu não sabia me defender ou o que? É sempre assim, acham que sou uma menina fraca só pelo meu rosto, eu devo ter algum problema porque não é possível. Dei de ombros e ajeitei a minha espada que estava na mão direita e o escudo que estava na mão esquerda, não perdi tempo ataquei tentando atingir o braço esquerdo do garoto, o braço que ele segurava a espada, vi um sorriso malicioso se formar em seu rosto.

Aquilo estava ficando meio estranho, não consegui atingir o garoto, ele era ágil e se protegeu com o escudo, me aproveitei disso e ataquei seu lado direito o que estava desprotegido, só deu para fazer um pequeno corte no braço direito do garoto.

Ele olhou para o corte, depois olhou pra mim, e tinha alguma coisa no olhar dele que dizia que eu estava completamente ferrada. Sorri para o garoto, mas ele não sorriu de volta só tentou atingir meu braço direito, e conseguiu ele fez um corte no meu ombro, ignorei a ardência do braço e voltei a atacar, não sendo rápida o bastante para conseguir fazer pelo menos um corte nele.

O Garoto atacou minha perna esquerda, ou pelo menos tentou porque eu girei para o lado, fazendo com que a espada dele passasse apenas de raspão em minha perna. Sorri e tentei atacar o garoto em dois lugares diferentes, dei um golpe por baixo e outro por cima do seu ombro, ele foi rápido o bastante para desviar dos dois golpes, é claro... Com a agilidade de um filho de Hermes, ele tentou atingir minha perna direita, meu braço esquerdo e o meu pescoço, dei prioridade ao golpe do pescoço é claro, podia morrer só com aquele golpe ali, olhei pro Julian. - Ta tentando me matar é? - Perguntei, bufando.

Olhei para a minha perna, bom... Ele tinha conseguido deixar um corte não muito fundo ali, mas o corte do meu braço estava pior, senti o líquido quente escorrer por meu braço, ignorei a dor e olhei para o garoto, ele estava com um sorriso zombateiro nos lábios, típico de um filho de Hermes, suspirei e ataquei o garoto em todos os lugares desprotegidos o mais rápido que pude, ele conseguiu se proteger da maioria dos golpes, mas não foi muito rápido para se proteger de todos eles. Consegui fazer um corte na sua perna esquerda, ele não tinha conseguido atingir meu pescoço, mas eu consegui atingir o dele.

Não foi um corte profundo é claro, eu não queria matar o garoto, não era tão má a esse ponto, a única coisa que eu tenho vontade de matar são monstros. Suspirei, aquele luta estava me cansando, ér... Estava ficando chato, ele me atacando, eu atacando ele, um corte aqui, outro corte ali e não passava disso. O Julian se aproveitou do meu pequeno momento de distração e bateu no meu escudo, com tanta força que deixou meu braço inteiro dormente, soltei o escudo na hora, o garoto sorriu com isso.

Agora sim eu estava completamente ferrada, ele sorriu maldoso, era melhor eu esquecer o negócio dele pegar leve comigo, sorri para o garoto e tentei fazer mais um corte, só que dessa vez mais fundo em seu braço esquerdo. Na hora que tentei atacar o garoto virou e a minha espada bateu em seu escudo, acho que o garoto não estava segurando o escudo muito bem, pois o escudo caiu. Sorri maliciosa para o garoto, agora era a luta era só com as espadas.

O garoto olhou meio confuso para mim, ele devia estar me achando uma louca por ficar ali só parada olhando pra ele, em vez de atacar. Ele se aproveitou disso e me atacou fazendo, mas um corte em mim, só que dessa vez na perna, eu deveria ter atacado logo, mas não... Eu era uma idiota mesmo. Contra ataquei e consegui fazer, mas um corte no garoto.

Aproveitei seu breve momento de distração e ajeitei a espada que estava escorregando, e tentei mover meu braço dormente, me arrependi por isso, meu braço começou a dor, senti o suor escorrendo por meu rosto. Olhei pro menino e ataquei, dei um golpe de direita, um de esquerda e um por baixo, ele foi rápido o bastante para desviar do golpe de direita, mas consegui fazer cortes em suas pernas e no seu braço esquerdo, ele revirou os olhos e fez um corte no ar com a sua espada.

Bati minha espada na dele, fazendo um som metálico horrível, fiz uma careta, enquanto tentava deixar a espada firme, Julian continuou forçando sua espada contra a minha, deixei minha mão um pouco leve, desfazendo o “X” que nossas espadas estavam formando e bati com toda a força que me restava na espado do garoto fazendo ela finalmente cair.

Soltei minha espada também e chutei as duas espadas para longe, comecei a massagear meu braço dormente. - Ok, luta encerrada. Sem ressentimentos ou você vai querer revanche depois? - Perguntei, soltando um suspiro. Ele sorriu e se levantou, estendeu a mão e eu levei aquilo como uma confirmação do “sem ressentimentos”.

Sorri para o garoto e saí da Arena, comecei a massagear meu braço novamente e fui para o meu chalé, sei que devia ir para a enfermaria, mas isso era desnecessário pra mim, quando a lua aparecesse, eu iria poder me curar totalmente e tudo iria ficar bem, agora só precisava de um banho e de um pouco de descanso.
avatar
Arianne S. Malkovich
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 3
Data de inscrição : 01/04/2013
Idade : 21
Localização : Me procura num GPS :3

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Thanatos em Sab 6 Abr 2013 - 18:31

Arianne:

62 linhas = 3 níveis e 20 exp

Bônus pela criatividade e contexto: 80 exp

Total: 4 níveis

Obs: Explique mais alguns golpes, porque muitos ficaram assim "Ele tentou me acertar na perna e o corte apareceu" e sendo novata não é fácil ignorar ou tentar ignorar machucados como os que teve.




______________________________________
Thanatos
Filho de Érebus e Nyx
Personificação da Morte
avatar
Thanatos
Admin

Mensagens : 187
Data de inscrição : 01/10/2011
Idade : 22
Localização : Submundo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Treinos de Espada e Escudo, etc

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum