Seja Reclamado

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Seja Reclamado

Mensagem por Eros em Ter 1 Maio 2012 - 15:12

Relembrando a primeira mensagem :

Poste aqui para você que quer ser reclamado.
Só não pode postar aqui, caso queira ser filho de Zeus, Poseidon Ou Hades.

Nome:
Pai/mãe:
Por Que:
Historia:

+ Os campistas devem ter uma história, que contenha pelo menos 5 linhas. Obrigado.


Última edição por Eros em Qua 19 Dez 2012 - 16:48, editado 1 vez(es)


Sempre tem aqueles que gostam de sacrificar o amor por motivos tolos como ganancia ou por puro medo de ser rejeitado, mas sempre tem aqueles que não abrem mão do seu amor seja por ouro ou prata e continuam amando mesmo após a morte.
avatar
Eros
Campista veterano
Campista veterano

Mensagens : 146
Data de inscrição : 08/11/2011
Idade : 23
Localização : Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/999  (9999/999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Seg 30 Jul 2012 - 13:35

Parabéns, vc é filha de afrodite ^^


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Violetta em Ter 31 Jul 2012 - 16:00

Nome:Violetta
Pai/Mãe:Hefesto
Por que:O adimiro muito,Gosto dos seus poderes e seria uma Honra ser sua filha
História:Sempre tivi uma vida muito dificil;minha mãe sempre precisou de ajuda então eu criava varias obras,armas,etc...para ajuda-la.
Um dia quando saira pra vender mais armas,um amiigo de minha mãe veio a mim e disse que ela morrera;No mesmo instante sai correndo até minha casa quando a vi disse:
-Mãe,não,não pode me deixar agora eu preciso de você,não vai,por favor não vai
Ao disser isto já era tarde demais,por que ela já estara morta.

Corri o maximo posivel,a única coisa que queria era ficar longe daquele lugar;No meio do caminho esbarrei um uma pessoa,não ,não era uma pessoa era um Sátiro como os dos Mitos,ele era alto,tinha uma barba e usava um boné;só percebera que era um sátiro pelos pés quando esbarrei o sapato avia saido.Então disse:
-Q-quem é você?
-Sou Harry,vim busca-la
-Me buscar?Pra que veio me buscar?
-Você não é normal e pode está correndo perigo,a morte de sua mãe foi só um pequeno aviso
-Como você sabe sobre a morte da minha mãe?-Disse meio assustada- O que vc tem a ver com a minha vida?E como assim não sou normal?
-Não tenho tempo de explicar,venha.
Não sei por que mais decidi não discutir pela primeira vez tive uma sençasão de que ele estava falando a verdade.Entõa fomos,caminhamos em silêncio até que eu disse
-Pra onde está me levando?
-Pro único lugar seguro no mundo,Estou te levando para o Acampamento Meio-Sangue-Não sei por que mais quando ele disse isso percorreu um frio na espinha.Decidi não perguntar o que isso significava.

-Ok,quanto tempo vai demorar para chegarmos lá?
-Acho que uma ou duas horas no maximo.
-Espero que seja rapido-Sussurei pra mim mesma-Eu não quero caminhar sozinha no meio do nada até um lugar que eu não conheço com um Sátiro que nem Se quer conheço direito
-O quê você disse?
-Nada-Menti-Só espero que chegamos o mais rapido posivel.Porque como disse aqui não é seguro.
-Já estamos chegando.
Decidi ficar quieta pelo resto da viagem,não queria magoa-lo por uma coisa que disse,ou fazer uma pergunta boba.
...
Assim que chegamos percebi que lá era mais um Acampamento de verão do que um Acampamento de Semideuses
-Então é aqui que irei ficar?-Disse meio coriosa
-Sim.Bem,Bem vinda ao Acampamento Meio-Sangue.
-Obrigada
-Disponha
Desci a colina o mais rapido posivel com Harry até que achamos um Centauro,Harry disse que ele se chamava Quíron.
-Querida,seja bem vinda ao Acampamento Meio-Sangue.Então vamos começar o seu treino?
Sem exitar disse sim;E loga depois fiz um juramento pra mim mesma:"Eu vou ser forte,não importa o aconteça,eu irei combater os monstros como se vingaçe a morte de minha Mãe,eu juro"
avatar
Violetta
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 2
Data de inscrição : 27/07/2012
Idade : 20

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Ter 31 Jul 2012 - 17:43

HEFESTO



Olá Violetta, eu gostei muito da sua historia, se as suas historias forem assim nos treinamentos, você vai subir de nível muito fácil, é isso mesmo, você é meu novo filho, seja bem-vindo ao acampamento meio-sangue, não esqueça de ver o que você é capaz de fazer (http://heroisdoolimpoonline.forumeiros.com/t42-poderes-dos-filhos-de-hefesto) e pode se apresentar no chalé 9 (http://heroisdoolimpoonline.forumeiros.com/f12-chale-9-hefesto), fale comigo para escolher uns presentinhos, ótimos para missões Wink







Notes:

Seja bem-vindo meu poderoso filho


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Stéphannye Sonner em Dom 5 Ago 2012 - 20:05

Nome: Stéphannye Sonner
Pai/Mãe: Apolo
Por que: Porque tenho uma forte ligação com a música e o sol, toco vários instrumentos sendo por diversão ou por ataque. O sol é meu melhor amigo, meu protetor.
História: Estando perto de completar meus 15 anos começo a ter sonhos estranhos e minha ligação com a música, poesia e o Sol aumenta cada vez mais. Tenho um amuleto do Sol, tenho ele desde quando nasci mas meus ''pais'' nunca me contaram a verdadeira origem dele. Já a origem do meu nome nem eles mesmo sabem, mas como eu tenho essa forte ligação com a mitologia grega descubro que o nome ''Stéphannye'' quer dizer '' Coroada pelos louros'' Ou seja , o Louro é a planta sagrada do deus Apolo. Sonner não é minha assinatura, mas é um nome que eu gosto bastante e que significa SOL em alemão. Desde pequena tenho flashes do futuro, acreditem ou não eu posso prever pequenos momentos do meu futuro através do sonho. Também sou perseguida em sonhos e na vida real por cobras, cobras venenosas que eu me repudio só de lembrar, eu sei que elas desejam algo de mim, mas eu não sei o que é.
Tive um sonho onde uma voz me falava do acampamento meio-sangue, como não gostava de meus ''pais'' porque eram muito severos, ruins comigo resolvo fugir de casa e ir pro acampamento meio-sangue que acabei descobrindo sua localização através de um mapa muito antigo, resolvi ir pra lá pois eu já desconfiava da minha origem. Entre o caminho tenho uma batalha com uma cobra Píton das pupilas vermelhas e sangrentas, ela sendo muito fortíssima e eu apenas uma iniciante acabei perdendo todas as minhas forças e ela penetrou seu veneno em mim.Simplesmente do nada meu amuleto do sol começou a expor diversos raios avermelhados, as nuvens que havia no céu desapareceram só estava o sol presente. Senti que estava flutuando, uma voz me dizia '' - Toque no amuleto, olhe para o Sol, sinta-o renovando suas forças. Ele te dará poder, não tenha medo.'' Como eu era acostumada a ouvir essa voz, mas eu meia sem sentidos vitais obedeci fracamente, toquei no amuleto e senti meu corpo inteiro em chamas mas aquilo era a melhor sensação da minha vida, parecia que o sol mandava para mim pequenos acordes de músicas avermelhados em meus olhos, parecia que o sol estava no meu lado. Desmaiei e fui acordada por um Sátiro que me ajudou a entrar no acampamento, desmaiei novamente. Recuperando os sentidos, meio que dormindo, me agarrei no amuleto e disse como se alguém tivesse presente ali '' - Obrigado, meu pai. ''
Agora serei aceita, agora estarei um pouco mais próxima de meu pai. Terei amigos como eu, era tudo o que eu procurava.
avatar
Stéphannye Sonner
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 1
Data de inscrição : 05/08/2012
Idade : 20
Localização : Acampamento meio-sangue

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://twitter.com/vampiremilk

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Vicky Black em Sex 10 Ago 2012 - 21:51

Nome: Vicky Black
Pai/mãe: Afrodite
Por Que: Afrodite é a Deusa da beleza e do amor. Independentemente, seus filhos são sempre os mais belos dentre todos os semi-deuses. Sua beleza é estonteante. Os seus incríveis poderes relativos ao amor e a sua presença. Mesmo que não seja uma boa lutadora, ela sabe conseguem utilizar-se de artimanhas muito elaboradas para dar conta de seus inimigos, todas essa qualidades me fazem me apaixonar por Afrodite, e seria uma honra ser sua filha.
Historia:
Sempre tive uma vida meio complicada, meu pai vivia trabalhando para me sustentar, ainda era perseguida por meninos sempre, confesso que era bem divertido, mas eles eram meio obcecados, as coisas que mais me animavam eram as minhas aulas de canto e de dança. Um dia comum de aulas, eu comecei a ver coisas estranhas, mas as coisas só pioraram quando eu entrei em sala de aula. Apareceram criaturas estranhas, elas falavam meu nome. Estava realmente assustada. De repente alguém me puxou.
- Hey, cuidado pras hydras não te pegarem, me segue. - disse um garoto meio esquisito, ele era de uma turma mais avançada, nunca tinha percebido antes, mas ele vivia me observando, eu achava normal, porque né...
- Quem é você?
- Sou uma espécie de protetor de semi-deuses, entende?
- Hã?
- Menos papo e mais ação, vamos sair daqui.
Ele me levou até um acampamento e me explicou tudo, ele disse que eu era filha da deusa Afrodite, eu entrei em choque, não sabia o que falar ou fazer, minha mãe era uma das deusas mais incríveis do Olimpo. Não estava acreditando, eu estava muito assustada, mas ao mesmo tempo aliviada, eu passava por umas coisas estranhas, e só esse fato tinha como explicar.
avatar
Vicky Black
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 1
Data de inscrição : 10/08/2012
Idade : 25

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Sab 11 Ago 2012 - 11:44

~att vcs duas


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por John F. Rooney em Qua 15 Ago 2012 - 18:02

Nome: John F. Rooney
Pai/mãe: Ares
Por Que: Paixão por armas, lutas, guerras e confusões. Além de muita habilidade com as mesmas.
História: Nascido na Irlanda, John sempre foi um garoto desatento, mas muito agitado e criativo. Conforme foi crescendo o garoto se apaixonou pela música, em específico o rock, mas por essa paixão sempre criou muitos problemas. Um dia acabou se envolvendo em uma briga com o "valentão" do seu colégio e sabia que ao chegar em casa sua mãe o "mataria". No caminho ele é cercado pelo "valentão" e sua gangue. Ele estava apanhando muito, quase desmaiando, então ouviu a voz de seu pai, dentro de sua cabeça:
- Lute, lute meu filho. Lute e você ganhará...
John começou a gritar loucamente e avançou para os outros garotos. Derrubou o maior deles e começou a socá-lo, cada vez com mais força, por fim desacordando o garoto. Todos os outros fugiram.
Ele correu loucamente para casa. Sua mãe lhe acalmou, mas chorando falou que eles se separariam, pois havia chego a hora. Por isso sua mãe lhe mandou para o Acampamento Meio-Sangue, lhe dizendo que chegando lá tudo lhe seria revelado.
avatar
John F. Rooney
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 4
Data de inscrição : 15/08/2012
Idade : 21

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Qua 15 Ago 2012 - 18:08

Parabéns novo filho de Ares, use seus poderes herdados com responsabilidade Wink


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Will H. Parker em Qui 16 Ago 2012 - 12:12


Nome: Willl H. Parker
Pai/mãe: Hermes
Por Que: É um dos deuses mais importante da mitologia grega, sendo deus dos mensageiros, pastores, dos poetas, do atletismo, ladrões, das viagens e das invenções é meu deus favorito.
Historia:
— Limpe isso direito garoto! — esbravejava a governanta enquanto observa os garotos limpando o chão dos corredores com escovas — Quero ver esse chão brilhando!
— Com certeza vai ficar melhor que essa sua cara feia. — cochichou James para seu irmão.
— Cala a boca! Ela vai ter ouvir! — avisou Will ao mesmo tempo em que cutucava seu irmão.
— Estou ouvindo cochichos, e me parecem vindos dos dois Hermínios. — disse Luiza olhando para dos dois garotos. — Se tem tempo de conversar vão ter tempo de lavar a louça depois do jantar dessa noite Hermínios.
Hermínio, tanto James quanto Will odiava aquele segundo nome, não era um nome comum, era um pouco estranho e o pior a Governante do orfanato sempre os chamava por esse nome. Toda vez que ouvia o nome se pronunciado Will se perguntava por que sua mãe o escolhera, o que ele não sabia era que aquele nome era um derivado do nome Hermes, essa foi uma forma peculiar que a mãe do garoto encontrou de colocar o nome do pai dos garotos no nome deles.
Os dois garotos desconheciam esse fato porque nunca conheceram sua mãe, estão no Orfanato Municipal desde bebês. Sua mãe, Liza, morreu logo após o parto prematuro dos gêmeos idênticos. Infelizmente na época que nasceram havia muitos bebês no orfanato mais o fato de que teria mais trabalho para adotá-los a diretora do acampamento nunca encontrou alguém disposto. Com o tempo os dois foram crescendo, às vezes apareciam casais disposto a adotar um deles mais eles sempre se comportavam arrogantemente fazendo o casal desistir e evitando que se separassem.
Sem outra opção James e Will viveram 15 anos no Orfanato Municipal De Nova York. Mesmo tento o nome de Orfanato o lugar era mais um internato para delinquentes juvenis. James o irmão mais velho por cinco segundos se encaixava muito bem, já que ele era um dos garotos que mais dava trabalho no Orfanato sempre causando problemas quebrando algum objeto, roubando algo ou se metendo em brigas com valentões que mexiam com seu irmão mais novo.
Se James era o tipo rebelde, seu irmão Will era totalmente o contrario fazendo mais o gênero Nerd. Estava sempre estudando e lendo livros o que lhe tornava um alvo fácil para os outros garotos do orfanato, por esse motivo seu irmão estava sempre lhe defendendo. Will gostava de respeitar regras, mas se sentia obrigador a tentar impedir seu irmão em alguma travessura, contudo acabava lhe ajudando e sendo punido também.
— Viu o que você fez? — perguntou Will. — Agora vamos ter que lavar a louça também.
— Eu estava ape... — James estava prestes a responder quando percebeu que estavam sendo vigiados, não pela Governanta Luiza que estava sempre no pé dos garotos mais sim pelo vigia.
Clope era o novo vigia do Orfanato, ele havia entrado no lugar do antigo vigia que desapareceu misteriosamente. Clope era um nome estranho, por esse motivo um dos órfãos perguntou para o homem inescrupuloso robusto se aquele nome era um apelido ou um nome de verdade.
— É um apelido, mas é o diminutivo do meu nome de verdade que vem do grego. — respondeu o homem rispidamente com sua voz rouca e fria.
— E qual é seu nome de verdade? — perguntou o garoto curioso ignorando o tom da voz do vigia.
— Não te interessa. — respondeu friamente e saiu.
Clope era um homem alto e robusto, o mais estranho no vigia era que estava sempre com a cabeça oculta por um capuz e seus olhos também estavam cobertos por óculos escuros que além de esconder a área dos olhos também encobriam toda sua testa. As únicas partes visíveis no rosto do homem era seu nariz grande e quebrado e seus dentes tortos e podres.
— Não gosto desse cara. — confessou James — Pode ser impressão minha mais o pego nos observando varias vezes.
— Larga de ser paranoico. — retrucou seu irmão.
Como se tivesse ouvido os garotos o homem foi embora.
Will pensou um pouco no que seu irmão disse, então percebeu que ele poderia está certo, onde os dois estavam o vigia o vigiava de longe, não poderia ser coincidência já que o Orfanato era grande e o turno de Clope era apenas durante a noite.
— Talvez você tenha razão. — admitiu — Mas porque ele faria isso?
— Não sei, mas vamos descobrir essa noite. — disse James — Eu, você e Ben vamos invadir o quarto do Clope.

**********************************************************

— O quê?! Você concorda com isso Ben?! — gritou Will eufórico.
— Fala baixo, vão nos ouvir. — reclamou James.
— Will, também acho esse cara estranho e sinto um pouco de medo quando ele está por perto. — confessou Ben.
Ben era um garoto de pele escura, olhos negros, cabelos castanhos encaracolados, baixo e tinha uma deficiência nas pernas que o fazia andar estranho. Ben assim como muitos dos garotos do orfanato era um delinquente juvenil que causava problemas na cidade, foi pego pela policia pichando um muro, como não tinha pais foi levado para o orfanato.
— Agora vamos ao plano. — disse James — Já é meia noite, todos os garotos estão dormindo, os empregados em seus quartos também dormindo e a diretora não dorme aqui.
— E? — perguntou Will ainda aborrecido.
— Sua sala está vazia e lá tem a chave para todos os quartos do orfanato. — continuou — O quarto de Clope provavelmente está trancado por dentro, eu vou até a sala da diretora a arrombo pego a chave e volto pra cá.
— Duas perguntas. — disse Will — Primeiro, porque não simplesmente arrobamos o quarto dele, assim como vai fazer na sala da diretora. Segundo, ele é vigia que eu saiba ele passa a noite rodando o prédio.
— Se arrobamos o quarto dele vamos fazer muito barulho e ele pode acordar, com a chave posso abrir sem fazer barulho algum. — respondeu James — E hoje é domingo ele não trabalha hoje.
— Como sabe? — perguntou Ben.
— Eu ando pelo prédio todas as noites depois da meia noite e sempre o vejo, menos aos domingos. — respondeu impaciente — Vou pegar as chaves.
James então saiu da sala vazia que os garotos estavam escondidos. O garoto tinha uma extrema facilidade parar caminha furtivamente e principalmente para roubar objetos sem ser pego. Will também possuía as mesmas habilidades, contudo não era tão bom quanto seu irmão.
Depois de cinco minutos James voltou segurando um chaveiro com inúmeras chaves.
— Cara tem muitas chaves ai, como vamos saber qual é a do quarto dele. — perguntou Ben.
— Não se preocupe a do quarto dele é diferente das outras. — respondeu — Agora vamos.

Os três garotos tentavam andar silenciosamente pelos corredores que levavam ao quarto do vigia, contudo às vezes faziam barulhos que poderiam ser ouvidos a metros de distancia, é claro que os gêmeos andavam silenciosamente fazendo o menor barulho possível, mas Ben não conseguia realizar o feito sempre tropeçando em algo ou nos próprios pés tortos.
Ao chegarem a frente à porta James selecionou uma chave entre as inúmeras que estavam no chaveiro e a colocou na fechadura fazendo o menor barulho possível abriu a porta vagarosamente. Ao abrirem a porta os garotos começavam a escutar o ronco alto do homem que estava deitado em uma câmera de solteiro menor que seu próprio corpo. Will e Ben esticaram o pescoço tentando ver o rosto do homem, mas estavam longe demais e o quarto era escuro a única forma era se aproximar.
— Vamos chegar mais perto. — sussurrou James.
— Vamos só olhar e ir embora. — disse Will no mesmo tom.
Os três se aproximaram ansiosos para ver o rosto misterioso do vigia, quando chegaram perto o suficiente para ver seu rosto claramente os garotos tiveram uma surpresa. Onde devia ficar os olhos de Clope havia apenas pele deformada seus olhos, ou melhor, seu olho ficava no meio da testa não era um olho comum era redondo e muito grande ocupando quase toda a parte superior de seu rosto.
— C- Ci- Ciclope... — balbuciou James paralisado.
O garoto começou a andar para trás com seu corpo tremulo e acabou tropeçando-nos próprios pés e caiu derrubando algumas coisas da mesinha que ficava ao lado da porta. As coisas que caíram produziram barulho suficiente para despertar Ben de seu transe e também para acordar o Ciclope.
— Quem está ai? — perguntou o monstro ao mesmo tempo em que esfregava o olho tentando afastar o sono.
Will não sabia como aquilo era possível, mas sabia de histórias da mitologia grega que havia lido como um Ciclope era perigoso. Ajudou Ben a se levantar e arrastou ele e seu irmão para fora do quarto. Antes de passar pela porta dar uma olhada rápida para o ciclope que já estava de olho aberto e sentado na cama.

***********************************************************

— Não acredito! Como não vi isso antes! Um Ciclope! Eu sou muito burro! Estamos acabados! Não acredito! Ciclope! Como não o vi antes! Sou um péssimo sátiro. — despejava Ben enquanto os dois garotos tentavam acalma-lo.
— Você que dizer que aquela coisa é um Ciclope? — perguntou James — E porque você tinha que vê-lo?
— Vocês sabem algo da mitologia grega? — perguntou Ben mais calmo.
— Não. — respondeu James.
— Sim. — respondeu Will.
— Então, deuses gregos e os monstros da mitologia são tudo verdade.
— Você que dizer Zeus, Hades, Poseidon, Ares, Hermes e todos os outros existem? — perguntou Will incrédulo. — Mas como?
— Não tenho tempo para explicar, tem um Ciclope na cola de vocês.
— Porque na nossa? — interrogou James.
— Porque vocês são semideuses. — confessou — Eu não tinha certeza no começo já é um pouco difícil identificar filhos de Hermes, mas com esse Ciclope tenho certeza e tenho que tirar vocês daqui o mais rápido possível. James essas chaves abre a porta principal e o portão?
— Acho que sim.
Os garotos correm em direção à saída do orfanato, quando chegam à porta tem uma surpresa. O Ciclope estava esperando por eles.
— Dois semideuses e um Sátiro, hoje é meu dia de sorte. — disse o monstro com sua voz rouca e fria.
O Ciclope avançou na direção dos garotos com as mãos estendidas, os três se separaram cada uma correndo para um lado. O vigia escolheu Ir atrás de James que se livrou do abraço de urso facilmente dando um salto para o lado. Então o Ciclope avança na direção do Sátiro que fica encurralado, Clope o agarra pelo pé esquerdo e o joga contra a parede.
— Ben! — grita Will.
James tira uma faca de ferro da sua cintura e em seguida escala a costa do Ciclope se garrando em seu pescoço com uma mão e com a outra furou seu grande olho. O monstro deu um grito de dor e com uma mão agarrou James no peito o tirando de sua costa e o jogando no chão com toda sua força. Quando é jogado a cabeça de James bate no chão fazendo-o desmaiar. Depois o Ciclope retira a faca de seu olho e esfaqueia James no coração matando-o. O monstro coloca a mão no olho e grita pela dor que estava sentido.
— Ben me ajuda a carregar o James. — pedi Will.
Então os dois pegam o corpo de James que sangrava tanto na cabeça quanto nos peito, sem o Ciclope perceber saem do prédio. Fora do orfanato Will quebra o vidro de um carro e entra no mesmo fazendo ligação direta abre as portas e o liga. Ben ocupa o banco do motorista enquanto Will coloca o corpo do seu irmão no banco de trás e depois sentava no banco da frente.
— Vamos para um hospital rápido! — gritou Will quando Ben deu a partida.
— Will é tarde demais, ele está morto. — disse Ben tentando não chorar.
— Não! Ele só está inconsciente, por favor, dirige para o Hospital. — pediu já com lagrimas encobrindo seu rosto.
Ben o ignorou e dirigiu para o Acampamento Meio-Sangue sabendo que se fosse para outro lugar Will iria atrair mais monstros.
— Vou te levar para um lugar seguro. — disse enfim.
avatar
Will H. Parker
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 10
Data de inscrição : 16/08/2012
Idade : 21
Localização : Chalé 11 espancando os indeterminados

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Éris em Sex 17 Ago 2012 - 18:22

~ Reclamado! Parabéns, ótima história, você escreve muito bem (:


A oposição produz a concórdia. Da discórdia surge a mais bela harmonia.

Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS
avatar
Éris
Admin

Mensagens : 337
Data de inscrição : 15/07/2011
Localização : No seu rabo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por paulo eduardo em Sex 17 Ago 2012 - 19:24

nome:
paulo eduardo
pai/mãe:
íris
por que:
admiro a deusa
história:
Na minha vida? nada de especial até aquele dia normal até Ana (a menina que eu gostava)me puxou pra fora da escola e me levou á um ponto de Ônibus me empurrou e disse:
- adeus
- mas por que? - perguntei
- você entenderá quando chegar lá - falou
fui parar em um lugar que devia ficar em long island achei um arco de pedra com um nome em grego que distingui como acampamento meio-sangue, vi Ana passeando pelo bosque
-Ana - gritei
- oi paulo! - falou
- entre ai - disse ela
- nesse arco? - perguntei
- sim - respondeu-me
quando entrei me dei conta da horrivel realidade Ana tinha um fio preso a ela e na outra ponta havia uma arvore ela explicou-me que deuses gregos existiam eu acreditei logo que vi um sátiro passeando Ana me explicou regras e tudo mais e me acostumei com a rotina passei o mes la e descobri que era filho de iris

paulo eduardo
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 22
Data de inscrição : 17/08/2012
Idade : 18
Localização : natal

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Éris em Sex 17 Ago 2012 - 20:07

~ Reclamado , bem-vindo meu filho!


A oposição produz a concórdia. Da discórdia surge a mais bela harmonia.

Thank's Lyra' @CUPCAKEGRAPHICS
avatar
Éris
Admin

Mensagens : 337
Data de inscrição : 15/07/2011
Localização : No seu rabo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Heloisa Lemes em Sab 18 Ago 2012 - 16:07

Nome: Heloisa Lemes
Pai/mãe: Deméter
Por Que: Adoro plantas e admiro a deusa
História:
Era um colegio interno, não uma casa. Não tinha lugar para passar as férias. Tudo porque fui recusada por meu pai. Minha mãe, bom, não tinha idéia de quem era.
Havia sido expulsa de muitas escolas, mesmo eles sabendo que não tinha para onde ir. Viviam me enviando para outras escolas.
Não tinha amigos, não tinha tempo para faze-los, estava sempre sendo chamada pelos diretores e professores, para conversas particulares, o que afastava as pessoas, sem contar que não passava mais de 1 ano em cada colégio.
Já havia estudado em todos os ao redor de Boston. Então tive que ir para NY. Foi bom, muito bom. Cidade nova, oportunidade nova.
Em minha cabeça tudo daria certo, faria amigos, não seria expulsa. Mas eu sempre tinha que estar errada.
Não fui expulsa. Na verdade dessa vez, não gostei da escola. Fugi, sem destino nenhum, sai e comecei a andar, na verdade correr. Parei quando vi uma rodoviária.
Peguei um onibus para Long Island, sempre ouvi dizer que era bonito lá, talvez alguém até me adotasse, não sei, acho que o cansaço e a loucura estava tomando conta da minha cabeça.
Cheguei lá e já era noite. fui para a praia, mas não tinha onde dormir.
Vi um pinheiro ao longe no alto de uma colina. seria um ótimo lugar para encostar e dormir talvez... Fui até lá. Quando cheguei ao topo, olhei do outro lado da colina. Havia uma casa grande, umas construções de estilo grego, um maravilhoso campo de morango. Avistei um monte de crianças, adolescentes e alguns adultos. Não sabia o que era, mas segui para a casa. Na varanda havia um homem sentado em uma cadeira de rodas.
-Olá semideusa! - Ele disse para mim e eu parei em choque. Semodeusa? de onde ele havia tirado aquilo.
-Oi. - respondi hesitante - o que quer dizer com semideusa?
-Venha, vou te passar o video.
Descobri que era uma semideusa, filha de um dos deuses antigos, os gregos. Não podia acreditar no que ouvia e via, mas no fundo, algo me dizia que era verdade. Comecei a viver nesse acampamento, Meio-Sangue é como o chamam. Agora só poderia esperar que minha mãe me reclamaclamar.
avatar
Heloisa Lemes
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 19
Data de inscrição : 18/08/2012
Idade : 20
Localização : Some magical place

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário http://contandoentrelinhas.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por philip .j em Dom 19 Ago 2012 - 18:07

Nome: Philip james
Pai/Mãe: apolo
Por que: porque gosto de arco e flecha e do sol
Historia:
-Primeiro dia na escola! Eu estou tão feliz! philip, eu consegui sair da escola infantil!
- É sim Emma! Eu sei disso! Mas ,será que dá pra não pular em cima de mim?!
- Ah! Desculpa!

Ela saiu correndo gritando "Viva!", parecia que tinha ganhado na loteria.Levantei-me devagar, e bocejei, indo ao banheiro.

Depois de me arrumar pra escola, fui até o carro, e ouvi uma vóz na minha cabeça:

- Philip, tome cuidado.

Aquilo penetrou minha alma, e eu gelei, até que minha mãe buzinou e eu saí correndo.Chegando na escola, a primeira pessoa que vi foi a sheila, que veio e me deu um abraço apertado, eu corei um pouco, pois ela nunca havia feito isso antes.

-E aí, pequena?Com saudades? - perguntei
-De você? Não. -disse ela irônica - Claro que sim né tapado!! Você é meu único amigo..
-Ha! Eu sabia! Ninguém resiste a mi!
- Banca o francês, banca.

Ela sorriu e colocou o braço em volta de mim abraçando-me e andando até a aula.
A primeira aula do dia, e a professora não veio e todos mortos de felicidade sairam pela escola afora.Eu fui até o patio que estava deserto, exceto pela minha mãe que veio correndo atrás de mim.

-Mãe!? - gritei assustado - Oque você tá fazendo aqui?
-Querido tinha que ve-lo!Você esqueceu seu lanche em casa!
-Ok!- disse pegando o lanche- Vai embora mãe, ou ela vai aparecer!
-Ela quem? Alguma gatinha??
-Não! - gritei - Tá mais pra uma menininha...

Foi só eu falar e um Homem-Boi apareceu quebrando tudo! Empurrei minha mãe pro lado e mandei que ela fugisse, e procurei alguma coisa pra usar como arma, mas só havia um Arco e uma aljava com flechas pendurados na porta da sala da diretora, pois tinha sido usado numa peça de teatro.

- philip! - sheila apareceu gritando - Cuidado!

O monstro quase me acertou com o carro do Prof. de Química. Corri até o Arco, e peguei-o, junto com a aljava.Coloquei rapidamente no meu corpo, e comecei a posicionar a primeira flecha.Errei por centímetros e quase acertei sheila, que desviou rolando pro lado.Desculpei-me, mas não vi que o bicho vinha por trás, e me atacou, pegando-me e apertando-me tão forte que quase sufoquei. Pisei em seu olho por acidente e caí no chão.

-philip! - gritaram minha mãe e sheila em uníssono.
-Arrrrgh! - gemeu o Boi.

Sheila me tirou do chão rapidamente e me levou pra um canto, perto de minha mãe, enquanto o bicho estava ocupado com o olho não sei como era tão facil porque ela era uma menina e eu peso 40 quilos.

- Você está bem? - perguntou-me Sheila, preocupada.
- Mais ou menos...- gemi.
-philip! - disse minha mãe chegando mais perto.
- Eu dou um jeito nesse Minotauro pra você. - disse Sheila , pegando uma caneta e clicando-a, oque a fez virar uma espada de ouro.


Ele atacou, cortando um dos chifres do Minotauro, que gemeu de dor. Sheila pulou em suas costas, mas o Minotauro o tirou de lá, puxando-o e derrubou ele no chão.

-SHEILA! - senti uma força me dominar como se eu não tivesse sofrido danos.

Corri até ela, e vi que estava ferida de mais para falar, ao menos. Olhei para o monstro, e comecei a atirar minhas flechas, que começaram a pegar fogo, e uma delas atingiu o peito do Minotauro, fazendo-o virar pó. Caí de joelhos ao lado de minha melhor amiga, de quem eu havia gostado desde a primeira vez em que a vi.

-Sheila, v-você vai ficar bem eu prometo.. - guaguejei, com lágrimas nos olhos.
-Philip.. - ela disse colocando a mão em meu rosto - ... eu te amo...

eu a puxei pra perto e a beijei, até que sua mão caiu, e soube que ela morrera.Chorei desesperadamente, e minha mãe veio me consolar.Saímos da escola e ela disse que eu tinha que ir para um tal Acampamento de não sei oque..

Ela me levou ao Aeroporto, para pegar o avião para NY, toda infeliz, mas disse que teria uma longa conversa com meu padrasto e minha meia-irmã.Me desejou boa-sorte e abraçou-me, chorando.

Tudo foi bem tranquilo na viagem, e cheguei no Acampamento rápido, pois um homem de cadeira de rodas estava me esperando.Quíron.me explicaram e eu desmaiei acordei em um chalé com varios beliches .


Spoiler:
Emma e Sheila são npc
avatar
philip .j
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 6
Data de inscrição : 18/08/2012
Idade : 17

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Ter 21 Ago 2012 - 19:06

~atts, sejam bem-vindos ^^


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Joseph K. Young em Ter 21 Ago 2012 - 19:11

Nome:
Joseph K. Young
Pai/mãe:
Thanatos
Por Que:
Sempre admirei o Deus dos mortos, sendo ele um importante elemento da vida presente em todo o mundo, sou um grande admirador do gêmeo alado do sono com o qual me identifico muito e por esses e outros motivos quero ser seu filho para orgulha-lo e provar ao mundo que nem todos os filhos do Deus das entranhas de bronze são frios e anti-sociais.
Historia:
Nasci e fui criado em Manhattan e quando completei meus oito anos minha mãe me abandonou a própria sorte em um reformato rio para menores delinquentes onde vivi os piores três anos de minha existência. Não que eu esteja reclamando afinal o lugar era otimo para quem é fã de tortura psicológica logo pela manhã, refeições indefinidas, trabalhos árduos sem remuneração e é claro professores que pareciam se assemelhar a monstros principalmente a professora de historia,uma velha que parecia só saber falar de monstros mitológicos durante suas entediantes aulas.
Não havia se quer uma actividade prazerosa naquele antro de maus tratos, éramos obrigados a trabalhar na lavoura do internato após as aulas e caso demonstrarsimos mau comportamento éramos presos na solitária que era um nome legal para um minúsculo local onde passávamos dois dias(que pareciam anos) em condições precárias onde nossos direitos eram um prato de feijão duro e salgado e um copo de água uma vez ao dia.
Como era forcado a cortar cana com facões pelos "agradáveis" e "bem humorados" inspetores eu aprendi a me defender com aquela arma que me foi muito útil quando minha professora de historia resolveu me matar. Sim você leu matar, por que? Porque ela é um monstro literalmente ela era um monstro feio e malvado que foi mandado para me matar, e ela quase teria conseguido se não fosse pelo Kelvin o meu colega estranho e pessimista que me emprestava livros de mitologia grega, que em um ato de amizade impediu minha morte jogando para mim um facão estranho que eu usei para matar o monstro antes que o mesmo corta-se minha cabeça. Depois desse dia minha vida nunca mais foi a mesma, eu descobrir muitas coisas como o fato de eu ser uma aberração da natureza metade humano metade divino e descobri também que meu amigo Kelvin era um híbrido metade humano metade bode, sem contar que fui parar em um acampamento estranho onde o director de actividades tem uma bunda de cavalo.
avatar
Joseph K. Young
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 1
Data de inscrição : 20/08/2012

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Ter 21 Ago 2012 - 19:12

seja bem-vindo filho de Tânatos ^^


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por pierre thorn em Qua 22 Ago 2012 - 19:49

Nome : pierre
Pai/Mãe : Apollo
Por Que: porque Não suporto ficar sem o sol e gosto de arco e flecha poesia e musica
Historia:acordei em um acampamento chamado acampamento dos poneis de festa era o dia do ponei de festa eu não entendia o nome do acampamento mais era legal comemorar o dia nós pegamos os arcos e nossos instrutores ( todos usavam cadeiras de rodas ) nos orientaram eu peguei meu arco e mirei no o alvo que já tinha sido acertado bem no meio soltei a flecha e ela disparou bem pro meio do alvo onde a flecha estava minha flecha atravessou a outra e eu começei a cantar e fazer o ritmo batendo em cascas de arvores um menino olhou para mim
- você é louco? - perguntou o menino
- não só estou comemorando. - respondi
o menino foi embora e veio um dos instrutores
-você será encaminhado para um novo acampamento - falou
fomos embora assim que chegamos no novo acampamento ele saiu da cadeira de rodas e ele não era humano bem ele não era completamente humano tinha metade cavalo estranhei mas não completamente depois que vi um sátiro passeando pelo bosque fui até onde ficavam os campistas e faziam atividades tipo as do dia do pônei de festa não era normal era como se todo dia fosse dia do pônei de festa lutas de espada e escudo pessoas com adagas chicotes e etc peguei um arco e começei a atirar no lado que os campistas estavam de
elmo vermelhoapós isso veio uma menina vestida de todas as cores que se pudesse imaginar ela me deu uma chicotada por trás e eu saí voando eu senti que ia morrer até olhar para o sol ele me acalmou a ferida onde ela bateu com o chicote começou a se curar automaticamente quando caí no chão eu não senti muita dor peguei um arco do chão e uma flecha do mesmo lugar atirei por trás na cabeça da menina e ela caiu
- que pena que é de borracha mas agora tive minha vingança -falei - não sabe nada sobre vingança eu sei eu sou uma justiçeira da própria nêmesis seu gênio - falou
-e eu não sou nada só porque sou indefinido? - perguntei
- nossa por isso que catou o arco do chão não tem nada! - riu ela
dei um soco nela e sai correndo em direção ao chalé 11.
avatar
pierre thorn
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/08/2012

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por S. Jhon Peter Schmidt em Sex 24 Ago 2012 - 8:44

Nome: S. Jhon Peter Schmidt
Pai/mãe: Hermes
Por Que:Porque admiro a historia do deus e como fez de bobo apolo e tantos outros grandes deuses da mitologia
Historia: Tudo começou quando o meu amigo tirou as calças . Era dia do meu aniversario de 16 anos uma coisa que eu odeio aniversario simplesmente pessoas falsas que vão a sua casa falar mal de tudo e acabar com sua comida. Por isso naquele aniversario só havia eu brandon e minha mãe que dizia que no tempo do meu pai eu já seria um homem ( de que tempo meu pai era pré - historia) eu não conhecia meu pai segundo minha mãe ele havia morrido quando era pequeno . O aniversario até que estava bom até brandon e minha mãe trocarem olhares preocupados e do nada ele tirou as calças revelando hum.. pernas de bode ? ELE COMO UM RAIO ME CARREGOU PARA DENTRO DO CARRO DE MINHA MÃE !! Ele disse que eu era um meio sangue e que estava me levando para um lugar seguro para todos nós semideuses ( que diabos é meio-sangue ) quando chegamos lá e adentramos uma fazenda grande com varios adolescentes brincando não guerreando. Até que meu bode / amigo me leva para ver um centauro ( que ? ) até que chegamos a uma casa grande e azul bem velhinha onde o centauro nos serviu uma bebida humm ... energetico não sei o que era mais era bom ele me disse que eu era filho de algum deus e mais cedo ou mais tarde ia ser reclamado por ele e me levou a uma especie de chalé de paredes descascadas com o numero 11 em latão no telhado e do nada um caduceu aparece bem em cima da minha cabeça .
avatar
S. Jhon Peter Schmidt
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 8
Data de inscrição : 21/08/2012

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Hefesto em Sab 25 Ago 2012 - 8:46

Sejam bem-vindo filho de Apolo e de Hermes, usem seus poderes com responsabilidade ^^


   

♜Hephaestus♜
avatar
Hefesto
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 132
Data de inscrição : 26/01/2011
Idade : 24
Localização : Monte Olimpo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Energia:
9999999/9999999  (9999999/9999999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

RE: RECLAMADO

Mensagem por juniorecoo em Sab 25 Ago 2012 - 20:10

Nome: juniorecoo
Pai/mãe: Thanatos
Por Que: por que eu sinto o seu sangue em minhas batalhas
Historia: eu estava em minha casa e decidi sair , fui andar no bosque
a tarde , mas fiquei tao intertido que nem vi a hora passar, olhei para o meu relógio e vi que era 22:00 ja era muito tarde para andar no bosque , e ouvi uma vós em minha mente que dizia saia dai agora! tentei sair o mais rapido dali derepente ouvi um barulho
achei que fosse coisa da minha cabeça , me virei e vi um arbusto se mecher ouvi uma vós aterrorizante que dizia '' juniorecoo'' , eu vou te ''matar'' ,e vou beber todo o seu sangue.
na hora minhas pernas ficaram bambas , e um monstro enorme apareceu , e veio em minha direçao como uma flecha , era uma ''Equidna'' mais por sorte eu consegui esquivar do primeiro ataque.
sai correndo pelo bosque e vi um moro com um pinheiro enorme pensei em subir la , pensei em ir para casa mais meu padastro era insuportavel eu o odiava , o idiota do Bruce ,decidir subir
no pinheiro mais a Equidna era muito rapida e muito forte , pensei em infrenta-la . rapidamente me cercou , pensei agora eu vou morrer , ai começei a me sentir estranho meu ossos queimavao meu sangue parecia lava uma coragem brotou em meu coraçao
fui pracima dela , ela atacou ,me esquivei e dei um chute nela
mais pareceu que nem doeu , ela ria da minha cara percebi que nao a derrotaria ,olhei para baixo e vi casinhas decidir correr para la talvez eu sobreviva pensei ,corri para la tao rapido que tropecei e bati a cabeça em uma pedra e fiquei desacordado mais lembro de pessoas atirando flechas no mostro horrorozo e feio ,e um homem meio homem meio cavalo . no dia seguinte acordei com um barulho estranho , olhei para cima e vi escrito em grego antigo filho de THANATOS
Very Happy , tinha muitas pessoas no quarto me senti estranho
e com dor de cabeça essa foi minha chegada no acampamento MEIO-SANGUE....


Última edição por juniorecoo em Qua 29 Ago 2012 - 11:10, editado 1 vez(es) (Razão : QUERO SER RECLAMADO PORFAVOR)
avatar
juniorecoo
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 5
Data de inscrição : 18/08/2012
Idade : 21
Localização : niteroi , RIO de janeiro , Brasil

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Thanatos em Qui 30 Ago 2012 - 14:12

Juniorecoo sob teste de reclamação. Ele poderá re-postar o teste de reclamação e EU, APENAS EU vou reclamá-lo. Não desrespeitem isso por favor, to cansado de meus filhos postarem mal e quero novos que sejam melhores.




______________________________________
Thanatos
Filho de Érebus e Nyx
Personificação da Morte
avatar
Thanatos
Admin

Mensagens : 187
Data de inscrição : 01/10/2011
Idade : 22
Localização : Submundo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por juniorecoo em Qui 30 Ago 2012 - 14:21

Nome: juniorecoo
Pai/mãe: Thanatos
Por Que: por que eu sinto o seu sangue em minhas batalhas

Historia: eu estava em minha casa e decidi sair , fui andar no bosque
a tarde , mas fiquei tão intertido que nem vi a hora passar, olhei para o meu
relógio e vi que era 22:00 já era muito tarde para andar no bosque , e ouvi uma
vós em minha mente que dizia saia dai agora! tentei sair o mais rápido dali de
repente ouvi um barulho
achei que fosse coisa da minha cabeça , me virei e vi um arbusto se mexer ouvi
uma vós aterrorizante que dizia '' Junior ecoo'' , eu vou te ''matar'' ,e vou
beber todo o seu sangue.
na hora minhas pernas ficaram bambas , e um monstro enorme apareceu , e veio em
minha direção como uma flecha , era uma ''Equidna'' mais por sorte eu consegui
esquivar do primeiro ataque.
sai correndo pelo bosque e vi um moro com um pinheiro enorme pensei em subir lá
, pensei em ir para casa mais meu padrasto era insuportável eu o odiava , o
idiota do Bruce ,decidir subir
no pinheiro mais a Equidna era muito rápida e muito forte , pensei em enfrenta-la
. rapidamente me cercou , pensei agora eu vou morrer , ai comecei a me sentir
estranho meu ossos queimavam meu sangue parecia lava uma coragem brotou em meu coração

fui pra cima dela , ela atacou ,me esquivei e dei um chute nela
mais pareceu que nem doeu , ela ria da minha cara percebi que não a derrotaria
,olhei para baixo e vi casinhas decidir correr para la talvez eu sobreviva
pensei ,corri para lá tão rápido que tropecei e bati a cabeça em uma pedra e
fiquei desacordado mais lembro de pessoas atirando flechas no mostro horroroso
e feio ,e um homem meio homem meio cavalo . no dia seguinte acordei com um
barulho estranho , olhei para cima e vi escrito em grego antigo filho de
THANATOS
, tinha muitas pessoas no quarto me senti estranho
e com dor de cabeça essa foi minha chegada no acampamento
MEIO-SANGUE...
avatar
juniorecoo
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 5
Data de inscrição : 18/08/2012
Idade : 21
Localização : niteroi , RIO de janeiro , Brasil

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Jon Connington em Sex 7 Set 2012 - 18:49

Nome: Jon Connington
Pai/mãe: Lorde Thanatos
Por Que: Simplesmente porque Thanatos é um dos deuses mais assustadores que existe. A personificação da morte.. Seria eu a personificação da morte Junior estou certo? Levando medo para todos os lugares, fazendo até mesmo os gigantes urinarem nas próprias calças.

Historia: Moro com minha mãe em New York. Ela trabalha em uma empresa de telecomunicações perto de casa. Tenho 16 anos, sou meio anti-social. Na verdade as pessoas preferem se afastar de mim. Amo Rock, Heavy metal, metal, alternativo, enfim, todos os estilos de rock. Sempre uso uma camiseta de alguma banda favorita como Slipknot, Disturbed, Linkin Park, Metallica entre outras, e por cima minha jaqueta de couro negra como as trevas. Adoro a noite, me sinto bem rodeado por sombras. Meus olhos são penetrantes e intimidadores. Quando alguém chega perto e os olha, ou fica com medo ou não consegue mentir para mim. Gosto disso. Não sou feio para afastar as pessoas, sou até bonitinho. Mas, minha expressão é sombria, sou frio - literalmente, pois minha pele é bastante fria-, sou pálido, não gosto de ficar andando no sol, sinto como se fosse cozinhar. Meu pai... Bem, nunca o conheci. Minha mãe disse que ele tinha assuntos a tratar. Ele é um grande empresário de uma grande rede de computadores e por isso tem que viajar muito. Ela também disse que acharam melhor assim, a separação, pois uma união não seria boa nem para eles, nem para mim, pois a distância prevaleceria.
Estudo em uma escola normal. Tenho déficit de atenção e dislexia. Ou seja, vivo no mundo da lua e não consigo ler muito bem. Por isso, vivo tirando notas ruins. Vivo de recuperação. Não tenho amigos na escola, pois como disse anteriormente, eles me ignoram. Até os valentões me ignoram. Pois meu histórico acadêmico é de assustar... Fui expulso pela primeira vez com 7 anos. Um garotinho roubou um brinquedo do único amigo que já tive. E fui pegar o brinquedo de volta. Somente olhando pro garoto, eu o fiz ficar com tanto medo de mim, que os pais o tiraram da escola... Mas muitos outros também ficaram e começaram a sair da escola. Até meu "amigo". Então a diretora achou melhor perder a mim de aluno do que perder dezenas. Ouve outro incidente, quando tinha não mais que doze anos, e um valentão tentou tirar onda com a minha cara. Ele me xingou, falando que eu não tinha amigos e essas coisas. Levei na esportiva e também tirei onda com a cara dele. Mas ele pegou pesado! Falou mal da minha mãe. Sem pensar duas vezes, soquei-o tão rápido que ele nem fora capaz de ver os golpes. Bati tanto nele que seu sangue se alojou em meus dedos e foi difícil tirar depois. Outra expulsão.
Mas essa escola foi diferente, estou nela a quase um ano e nada de ruim aconteceu...
Sexta-feira. Saio da escola e vou para um restaurante. Como pratos deliciosos, em seguida como a sobremesa. Logo após saio e vou até uma loja de rock. Conhecia o dono, pois era ritual ir lá toda sexta. Olhei os CD's, camisetas e colares. Comprei um CD novo do Linkin Park e uma camiseta do Justiceiro. Guardo a sacola em minha mochila e quando estava pra sair o vendedor vem até mim e diz:
- Jon, leve isto como cortesia da casa - ele me entrega um colar cinza-escuro com um crânio negro com os olhos vermelhos vivo.
- Obrigado... - não gosto dessa palavra, mais me força a dizê-la. Em seguida faço um aceno duro e saio da loja.
Achei o colar bastante interessante. Coloco-o no pescoço e acaricio o crânio. Sorrio friamente e continuo meu caminho. Já era quase cinco da tarde. Vou até uma padaria e compro um salgado e tomo um refrigerante, enquanto assisto ao noticiário. Meia hora depois acabo e vou embora. Tenho de pegar um ônibus para ir até um ponto "próximo" de casa.
Depois de uma hora chego ao ponto. Ainda faltavam dez quarteirões até minha casa. Vou andando lentamente curtindo um rock em meus fones de ouvido. Andei três quarteirões. Vi então um vulto passando pela minha frente. Não me intimidei. Olhei par a o lado e o vulto voltou a aparecer e logo me jogou no chão. Meus fones caíram e olhei para o vulto. Agora via sua silhueta. Era uma mulher, mas não era normal, abaixo de seus braços, vi asas. Sua boca era um bico. E era feia que doía.
- Jon. Filho de Thanatos. Vim levar seu coração ao meu lorde! - ela diz
- Jon filho de quem? Meu coração não sai do meu peito não o filha do satan! - digo me levantando.
Sou atingido por um chute e quase caio.
- Para de me jogar no chão! Eu to avisando! - digo novamente
Levanto-me e ela tenta me atingir com outro chute, mas desvio e agarro seu pé e a jogo no chão com força, retirando o ar de seus pulmões.
- Eu avisei!
- Isso não me afeta! - ela diz

Pulo em cima dela e dou um soco em seu rosto, seguido por outro e por outro. Mas ela bica meu antebraço e consegue me derrubar, caindo em cima de mim. Ela me atinge com suas garras, no peito, cortando minha camiseta, fazendo meu sangue jorrar para fora. Ela para e ri.
- Essa... Era... A minha... Camiseta favorita! - digo dando um soco em seu estômago - Agora você vai pro inferno!
Dou um soco em seu rosto e o seu corpo vai para trás. Atinjo um soco em seu peito, a fazendo recuar. Giro meu corpo e lhe dou uma rasteira. Ouço uma voz dizer:
"Use o colar..."
Olho o colar e aperto-o. Use o colar? Como assim? Se ainda fosse uma faca ou coisa do tipo tudo bem... E subitamente o colar vira uma faca com o cabo negro e a lâmina prateada. Olho para a mulher, sabendo que deveria matá-la. Como o colar havia virado arma, eu não sei! Mas isso ajudaria.
Caio sobre ela e encosto a adaga em sua garganta
- Quem ia matar quem mesmo?
Penetro mais a faca em seu pescoço, até que do local, sangue começa a sair. Por fim, deixo toda a faca dentro de sua garganta e ela agonizava engasgada com o próprio sangue. Sorrio friamente e a faca volta a ser um colar e o corpo dela vira cinza e o vento as leva. Olho para os lados, ninguém viu nada. Retiro minha camiseta e coloco a camiseta do Justiceiro. Por fim, retomo meu caminho. Quando chego em casa, conto para minha mãe, confuso com o que ocorreu. Então ela me conta uma história. A história de uma mulher que se apaixonou pela morte e o fruto desse amor sou eu. Ela me explica também que agora teria de ir ao acampamento meio-sangue, pois os monstros logo viriam atrás de mim. E perto dela, não estaria seguro. No dia seguinte, um sátiro – meio homem meio bode- vêem me buscar e me leva até o acampamento.

avatar
Jon Connington
Campista novato
Campista novato

Mensagens : 20
Data de inscrição : 07/09/2012
Idade : 21

Ficha do Meio Sangue
HP:
100/100  (100/100)
Energia:
100/100  (100/100)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Thanatos em Sab 8 Set 2012 - 14:51

Junior, melhore sua ortografia.

Jon, não seja tão convencido em certos momentos.

Ambos aprovados.




______________________________________
Thanatos
Filho de Érebus e Nyx
Personificação da Morte
avatar
Thanatos
Admin

Mensagens : 187
Data de inscrição : 01/10/2011
Idade : 22
Localização : Submundo

Ficha do Meio Sangue
HP:
9999/9999  (9999/9999)
Energia:
9999/9999  (9999/9999)
Arsenal:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Seja Reclamado

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum